Ações

Diretoria, Conselho de Administração e Controladores. Entenda quem está por trás da gigante de bebidas Ambev (ABEV3)

Diretoria, Conselho de Administração e Controladores. Entenda quem está por trás da gigante de bebidas Ambev (ABEV3)

Olá amigos do Prateleira de Ativos! Tudo certo com vocês? Esta era uma pergunta que eu também tinha mas não sabia responder. Sempre quando ouvia o assunto as pessoas não apresentavam uma resposta sólida e completa. A ideia de tentar detalhar melhor esta questão veio junto a leitura do livro: “Sonho Grande”, onde é narrada um pouco da história que circunda o triunvirado formado por Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sicupira. Não entrando no assunto livro, farei aqui apenas a recomendação, pois é Continue lendo

Bm&f Bovespa – Fundos de Investimento Imobiliário, cotações no topo? O que fazer agora?

Bm&f Bovespa – Fundos de Investimento Imobiliário, cotações no topo? O que fazer agora?

Hoje é dia 03/11/2016 e o IFIX aponta para seus 1.889 pontos. Nos primeiros dias de janeiro de 2016 o IFIX estava no patamar de 1.400 pontos fazendo contas aproximadas poderíamos dizer que até o momento em 2016 o IFIX subiu módicos 35% no ano. O mercado de fundos de investimento imobiliário em sua maioria reserva espaço para um perfil de investidor de mais longo prazo. Ele entende que esta classe será mais uma forma de gerar renda passiva em seu portfólio. É evidente que Continue lendo

Aprendendo a investir no mercado de ações – As 7 reflexões de Charlie Munger sobre a Bolsa de Valores

Aprendendo a investir no mercado de ações – As 7 reflexões de Charlie Munger sobre a Bolsa de Valores

Olá meus amigos!! Tudo certo com vocês? Aqui quem fala é o Felipe Tejeda do site Prateleira de Ativos. Hoje, vou contar um pouco da história de um investidor que ficou mais conhecido como sendo o braço direito do Oráculo de Omaha, Warren Buffett. Iremos listar 7 pensamentos de Charlie Munger sobre como se portar diante do mercado de capitais.   Embora tenha sido um pouco ofuscado por ninguém menos do que Buffett, Munger trás algumas lições de fora do mercado financeiro mas que ilustram Continue lendo

Explore as 20 regras de ouro de Peter Lynch para investir em ações no longo prazo

Explore as 20 regras de ouro de Peter Lynch para investir em ações no longo prazo

Olá amigos do Prateleira de Ativos, Trazemos neste artigo algumas dicas e atitudes difundidas por um dos maiores gestores de fundo de ações da história nos Estados Unidos. Peter Lynch, nascido em 19 de janeiro de 1944 é empresário e investidor no mercado acionário norte americano. Como gestor do Fund Magellan da gestora de recursos Fidelity Investments, entre 1977 e 1990, Lynch alcançou um retorno anual médio de módicos 29,2%. De maneira consistente bateu o índice do S & P 500, apresentando um dos melhores Continue lendo

Análise Fundamentalista: Empresa Cielo S.A. (CIEL3) – 2° trimestre de 2016

Análise Fundamentalista: Empresa Cielo S.A. (CIEL3) – 2° trimestre de 2016

Apresentamos aos leitores do Prateleira de Ativos a análise fundamentalista de mais uma companhia listada em Bolsa de Valores e que integra o Índice Bovespa (Ibovespa), trata-se da empresa de serviços financeiros focada em meios de pagamento Cielo S.A. referente ao 2° trimestre de 2016. Adotaremos o mesmo modelo das últimas análises de resultados (BRF, WEG e Grendene), seguindo o seguinte roteiro: Receita, Ebitda e Lucratividade, Geração de Caixa (Fluxo de Caixa), Estrutura de Capital (Endividamento e Caixa), Produtividade (Margens), Investimentos (Capex) e Gastos Totais Continue lendo

Risco e horizonte de investimento: Ações vs Renda Fixa

Risco e horizonte de investimento: Ações vs Renda Fixa

Hoje o Prateleira de Ativos traz um artigo que relaciona aspectos muito importantes dentro dos investimentos: o risco e o horizonte de investimento em relação a alocação em ações, títulos e letras do tesouro no mercado norte americano. Gostaríamos de ressaltar que este estudo não tem o objetivo de provar nada apenas colocar análises feitas por especialistas da área. Talvez no mercado financeiro não existam regras absolutas, entretanto há na área diversos estudos bem fundamentados e de excelentes autores que são válidos para auxiliar a Continue lendo

Análise Fundamentalista: Empresa Grendene S.A. (GRND3) – 2° trimestre 2016

Análise Fundamentalista: Empresa Grendene S.A. (GRND3) – 2° trimestre 2016

Dando prosseguimento as análises fundamentalistas referentes ao 2° trimestre de 2016 chegamos a Companhia do setor de calçados e artigos de moda Grendene S.A. Iremos adotar o mesmo modelo das últimas análises de resultados (BRF S.A. e WEG S.A.), seguindo o seguinte roteiro: 1) Receita, Ebitda e Lucratividade, 2) Geração de Caixa (Fluxo de Caixa), 3) Estrutura de Capital (Endividamento e Caixa), 4) Produtividade (Margens), 5) Investimentos (Capex) e 6) Custos e Despesas (CPV, Administrativas e Vendas).   1) Receita, Ebit, Ebitda e Lucratividade:   1.1) Receita: Continue lendo

Análise Fundamentalista: Empresa BR Foods S.A. (BRFS3) – 2° trimestre 2016

Análise Fundamentalista: Empresa BR Foods S.A. (BRFS3) – 2° trimestre 2016

Assumindo o novo modelo de análise fundamentalista aplicada em nosso primeiro estudo referente aos balanços 2° trimestre de 2016 o nosso roteiro será: 1) Receita, Ebitda e Lucratividade, 2) Geração de Caixa (Fluxo de Caixa), 3) Estrutura de Capital (Endividamento e Caixa), 4) Produtividade (Margens), 5) Investimentos (Capex) e 6) Custos e Despesas (CPV, Administrativas e Vendas). Esta é uma nova proposta, portanto vamos ver como este novo modelo irá nos mostrar o desempenho das Empresas. No caso da BR Foods, Empresa do ramo de alimentos, Continue lendo

Análise Fundamentalista: Empresa WEG S.A. (WEGE3) – 2° trimestre 2016

Análise Fundamentalista: Empresa WEG S.A. (WEGE3) – 2° trimestre 2016

A partir desta série de análises fundamentalistas gostaríamos de propor uma nova maneira de dividir e discorrer o estudo. A ideia é colocar sub grupos e ir analisando cada um deles de modo a tentarmos melhor avaliar o estágio em que a Companhia se encontra. Antes de prosseguirmos gostaríamos de deixar bem claro que as análises de balanços aqui contidas neste site não ensejam em nenhum tipo de recomendação ao investidor referente a compra, venda ou manutenção do ativo. A ideia é fornecer aos nossos Continue lendo

8 Sacadas do oráculo de Omaha, Warren Buffett, para investidores de longo prazo

8 Sacadas do oráculo de Omaha, Warren Buffett, para investidores de longo prazo

Mais um post do Prateleira de Ativos e nele a tentativa de trazer quais das lições do mega investidor Warren Buffet poderiam ser mais úteis para os investidores de longo prazo em ações. Esses investidores em sua maioria, pessoas físicas que vêem nas ações uma opção para diversificação de seus portfólios. Warren Buffet, além de ser um dos maiores investidores da história, também apresenta ao mundo valores, ideias e iniciativas que ultrapassam as cifras que alcançou no mercado acionário americano. Vamos a algumas das lições Continue lendo