Reunião Apimec – Itaú Unibanco 30/05/2016

Reunião Apimec – Itaú Unibanco 30/05/2016

Estivemos na reunião da Apimec-Rio junto ao Itaú Unibanco. Esta reunião ocorre em vários locais do Brasil e provavelmente a sua cidade está na lista. Para o investidor é bem interessante para aprimorar o aprendizado da análise de Bancos. Fazer previsões de como estarão os indicadores como o PIB, a Selic, é sempre um exercício muito difícil mas importante para o planejamento estratégico da Companhia. Desta forma, os Bancos em geral divulgam ao mercado suas expectativas para o ano. Vamos aqui dar uma passada por Continue lendo

10 erros muito comuns ao se investir na Bolsa, provavelmente você já cometeu algum deles

10 erros muito comuns ao se investir na Bolsa, provavelmente você já cometeu algum deles

O assunto que iremos abordar hoje é sobre as armadilhas que o investimento em Renda Variável nos reserva. Se você já é um investidor avançado muitos destes erros já devem ter sido estudados, mesmo assim recomendo a leitura. Acredito que este tipo de informação é aquela que exige uma releitura de tempos em tempos. Isso porque, muitas vezes nos esquecemos de monitorar erros que são quase inconscientes. Pode-se dizer que são ciladas silenciosas e a percepção delas pode não ser tão simples de identificá-las. Vamos Continue lendo

Análise Fundamentalista: Empresa Cielo S.A. (CIEL3) – 1° trimestre 2016

Análise Fundamentalista: Empresa Cielo S.A. (CIEL3) – 1° trimestre 2016

Iremos começar a análise fundamentalista passando pelos destaques da Companhia apresentados no trimestre. Para minimizar os efeitos da sazonalidade do negócio optamos por comparar os números do trimestre atual com os apresentados no 1° trimestre de 2015. Já que acreditamos que possam haver inconsistências se compararmos com o trimestre anterior. Destaques da Cielo consolidado (levando em consideração todos os negócios da Empresa em conjunto): 1) Receita Operacional Líquida: Crescimento de 29,6% sobre o 1° trimestre de 2015. 2) Ebitda: Aumento de 18,6% em relação ao Continue lendo

Análise Fundamentalista: Empresa Ambev S.A. (ABEV3) – 1° trimestre 2016

Análise Fundamentalista: Empresa Ambev S.A. (ABEV3) – 1° trimestre 2016

Discutiremos o estudo do atual momento da Companhia fazendo uma análise de cima para baixo (Top Down), ou seja, colocando as principais linhas de resultados de cada região em que a Ambev atua separadamente. Depois iremos colocar de que maneira foram alcançados tais resultados, bem como comentários adicionais que ajudam a melhorar a nossa visão do negócio. Vamos aos resultados: – Resultado Consolidado: Receita Líquida Reportada – Alta de 7,4% (R$ 11.565,1 bi no 1T16 x R$ 10.768,8 bi no 1T15). Receita Líquida Orgânica (excluí as Continue lendo

Análise Fundamentalista: Empresa Bradesco S.A. (BBDC3) – 1° trimestre 2016

Análise Fundamentalista: Empresa Bradesco S.A. (BBDC3) – 1° trimestre 2016

Antes de discorrer a análise fundamentalista do 1° trimestre do Bradesco gostaríamos de ressaltar que as informações aqui contidas não indicam qualquer tipo de decisão tomada pelo investidor relativo a compra, venda ou manutenção do ativo. A ideia é apenas colocar as informações de maneira clara para auxiliar os investidores a acompanharem tanto o momento no qual a Companhia atravessa quanto o cenário em que está inserida na economia doméstica e internacional (se houver atuação). Vamos em frente, para fazermos a análise do Banco vamos Continue lendo

Análise Fundamentalista: Empresa BR Foods S.A. (BRFS3) – 1° trimestre 2016

Análise Fundamentalista: Empresa BR Foods S.A. (BRFS3) – 1° trimestre 2016

Vamos fazer uma análise fundamentalista em que a Companhia atravessa com base nos últimos resultados referentes ao 1° trimestre de 2016. A BRF vem de um processo de turn around bem interessante com a volta da marca Perdigão para o seu portfólio de produtos. No ano de 2015 a Empresa apresentou resultados bastante satisfatórios. Mesmo com uma demanda doméstica muito enfraquecida o mercado externo compensou isso e trouxe bons números para seus acionistas. Interessante notar que quando atravessava pelo momento positivo a Empresa nunca havia Continue lendo

Análise Fundamentalista: Empresa WEG S.A. (WEGE3) – 1° trimestre 2016

Análise Fundamentalista: Empresa WEG S.A. (WEGE3) – 1° trimestre 2016

Faremos de maneira resumida alguns comentários sobre a performance da Empresa tendo como referência os resultados do 1° trimestre de 2016 (divulgado no dia 20/04). Aqui estamos falando de uma Empresa que mesmo em um momento muito desafiador da economia doméstica vem passando bem pela crise. Ela vem mostrando um movimento de direcionamento de investimentos mais voltados para o mercado externo. Os investimentos contemplam a expansão da capacidade produtiva nas fábricas da China e México, além da recente aquisição da Empresa americana de motores elétricos Continue lendo